O que é o BOM?

O que é o BOM Cabo Frio?

 

Todos concordamos que a geração de oportunidades de trabalho é um dos maiores desafios dos municípios. A introdução de novas tecnologias, os altos encargos trabalhistas, a baixa qualificação profissional, podem ser razões do crescimento do nível de desemprego nas cidades. Os governos municipais tentam trazer empresas para os seus limites territoriais, tentando ampliar a oferta de emprego. Isto, embora tenha o seu grau de eficácia, demanda tempo, não sendo, normalmente, possível no curto prazo. Neste contexto, há necessidade de buscar outras soluções para o problema.

O Banco de Oportunidades Municipal de sua Cidade, ou simplesmente BOM é um Sistema de Gestão de Geração de Trabalho e Renda que facilita o encontro de quem tem uma vaga de emprego ou um serviço a contratar, com quem precisa do emprego ou se oferece para realizar um serviço e, ainda, ajuda o trabalhador a encontrar uma formação profissional que atenda às necessidades e interesses do mercado local, ampliando a sua capacidade ou possibilidade de conseguir um trabalho.

Mas... como isso se desenvolve na prática e quem participa deste processo?




 
Quem necessita contratar, fornece as informações ao BOM, indicando as características da sua oportunidade de trabalho.
Quem está em busca de uma oportunidade de trabalho, disponibiliza o seu currículo.

O BOM faz a gestão das informações, organizando-as e tornando-as facilmente acessíveis, tanto para quem oferece a oportunidade de trabalho, quanto para quem deseja trabalhar; numa relação direta, sem intermediários, e ainda, disponibiliza, de forma destacada, vagas de estágio e para pessoas com deficiência. Uma pessoa física também pode oferecer uma oportunidade de trabalho para contratação de serviços domésticos como babás e jardineiros, por exemplo.

O BOM também identifica as necessidades do mercado de trabalho que não estão sendo atendidas pela insuficiência de profissionais qualificados e faz a divulgação de cursos de profissionalização, visando suprir o déficit do mercado local.

 A Prefeitura e Entidades Privadas de Ensino (SEBRAE, SENAI, SENAC, entre outros), poderão utilizar as suas estruturas e programas de capacitação profissional e empreendedorismo (inclusive o microcrédito), para que estes profissionais possam ser absorvidos pelo mercado. 
 Após o processo de qualificação, os currículos dos profissionais são atualizados, enriquecidos pelos novos conhecimentos adquiridos e quem necessita do serviço é avisado da nova força de trabalho disponível.
A Prefeitura e as Associações de Bairros podem promover um apoio social, ajudando as pessoas a terem acesso ao BOM e integrando-as ao serviço.

O Banco de Oportunidades Municipal de Cabo Frio propõe a organização de esforços do poder público municipal em conjunto com a sociedade civil para o desenvolvimento das ações que visam a geração de trabalho e renda dos cidadãos.        

Banco de Oportunidades Municipal de Cabo Frio...
Bom para Cabo Frio! Bom para você!